O que é CDB? Descubra Agora

capa_posts_oque_e_cdb_descubra_agora

CDB significa: CERTIFICADO DE DEPÓSITO BANCÁRIO, que nada além é que um título de renda fixa do tipo crédito privado fornecido por bancos. Mas como corre no dia-a-dia? Basicamente é o seguinte, você empresta dinheiro ao banco que te retorna com juros.

O pagamento é definido no momento da contratação do CDB e poderá ter variações de acordo com o valor investido, prazo do CDB e com o potencial financeiro do banco emissor. Para entender melhor, continue a leitura do artigo.

Afinal, o que é CDB e como ele funciona.

Conforme dito no início, O CDB é um empréstimo concedido a uma instituição financeira por seus clientes. Isto é, os clientes emprestam o dinheiro ao banco e esse, também emprestará dinheiro à outras pessoas.

Dessa maneira que o sistema financiamento se constitui, há pessoas que possuem recursos excedentes e quem tem o desejo de investir no mercado, já outras, tem o recursos escassos que precisam de empréstimo.

Rentabilidade do CDB

A rentabilidade e a taxa de juros do CDB são definidas no momento da aplicação do investimento. E eles podem ser:

CDBs pós-fixados ligados ao CDI: É o tipo mais comum, o investidor recebe uma porcentagem da variação do CDI no período;
CDBs indexados à inflação: Um exemplo é o IPCA, pois é um vínculo do índice de preço, com anexo de juros pré-fixados. Ou seja, além da manutenção do poder de compra do seu investimento com correção pela inflação, ainda há a possibilidade de obter um ganho real no período;
CDBs pré-fixados: A taxa de juros é definida no momento da contratação.

Há também outros fatores que influenciam o rendimento, tais como:

A segurança da entidade do CDB;
O prazo de vencimento que você escolheu;
Valor que está disposto a investir .

Custos do CDBs:

Os CDBS não têm taxa administrativa, porém o custo que você pagará vira na forma de spreed. De acordo com o Banco Central do Brasil, o spreed médio requerido pelos bancos nas contratações com pessoas físicas em 2014 superava os 29%.

Vantagens em investir em CDBs?

Entre as vantagens de se investir em CDBs, encontram-se:

Conveniência: Há a possibilidade de fazer aportes e requerer resgates com a praticidade do Internet Banking, sem tanta burocracia como fazer TEDs para outras contas;
Liquidez: Grande parte dos CDBs disponíveis no mercado fornecem liquidez diariamente, caso você precise de um resgate, poderá ter o dinheiro em sua conta no mesmo dia.
É totalmente seguro investir em CDBs?

Antes de fazer o investimento é melhor atentar para alguns riscos que poderá vir a correr.

Risco de liquidez: Liquidez tem a definição de transformar um capital em dinheiro para ser usado instantaneamente. No caso do CDB, o risco de liquidez está intrínseco aos prazos estipulado de inicial no momento do ato da aplicação. Caso você adquira um CDB com prazo de 1 ano e por alguma eventualidade precisar sacar o dinheiro antes do período, fique atento que não é obrigação da empresa resgatar o seu título;
Risco de crédito: Ele está diretamente atrelado a perdas parciais ou totais de investimentos por variados motivos, mas o mais corriqueiro é o banco elegido falir e não honrar a dívida. Mas no caso do CDB existe um Fundo de Garantia de Crédito (FGC).

Mas, lembre-se que comprar um investimento que é não é totalmente seguro dependendo de apenas uma garantia é muito arriscado. Por isso é importante entender a situação financeira do banco emissor.

Este artigo lhe foi útil? Curta nossa página no Facebook para ficar atualizado das novidades e compartilhe este artigo para que possa ajudar mais pessoas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *